Carla Vilhena (Foto: Reprodução/ Instagram)

Carla Vilhana passou a ser criticada após reclamar do funk alto perto de sua casa, nessa semana. A ex-apresentadora da Globo, usou as redes sociais para se defender das críticas, depois de ter virado assunto no programa Fofocalizando, SBT. Em seu Twitter, ela rebateu os comentário de Lívia Andrade e Leo Dias.

“Tudo começou de domingo pra segunda, quando fiquei até as duas da manhã tuitando sobre um baile nos fundos da minha casa. O som era altíssimo, mesmo com as janelas fechadas não pude dormir. As letras eu não posso nem quero reproduzir numa rede social”, começou ela.

A jornalista continuou e respondeu ao colunista Leo Dias. “Não preciso de mídia. Meu trabalho é com empresas, não com o público”, e ainda mandou seu recado para Lívia Andrade. “Lívia Andrade, não sou contra nenhum pai de família que viva do gênero funk. Sou a favor do direito que eu e todos os trabalhadores que acordam cedo na segunda-feira têm de dormir e não ouvir a pornografia explícita (perdoem a redundância) das letras”, explicou ela.


“O outro apresentador, eu nem cito o nome porque não merece o palanque. Lívia eu acho divertida e por isso a incluí. Sei que muitos pensam como eu e agradeço o apoio. Outros têm interesses escusos e querem as coisas como estão, conforme eu já citei nos meus tweets anteriores”, disse ela. “Sou conhecida por minha capacidade de manter o diálogo até os limites do possível. Pretendo continuar assim. Por isso, embora saiba q posso até ‘decepcionar’ alguns, ñ sou a favor de nenhum tipo de violência, nem aquela ‘supostamente’ para restabelecer a ordem e cumprir a lei”, completou.

Carla Vilhena (Foto: Reprodução: Twitter)