Ana Furtado fala de segunda sessão de quimioterapia e cuidados para reduzir queda de cabelo

COMPARTILHAR
Ana Furtado
Ana Furtado (FOTO: Reprodução/Instagram)

Recentemente, Ana Furtado surpreendeu a todos ao anunciar que descobriu um câncer de mama em estágio inicial. Já passando pela segunda sessão de quimioterapia, a apresentadora desabafou sobre esse momento e revelou cuidados para evitar perder cabelo.

Leia também: Só sorrisos! Ana Furtado passeia em shopping com Boninho e família

A esposa de Boninho usou essa fase complicada de sua vida, de um jeito positivo a fim de encorajar as pessoas que esmorecem com o adoecer e conscientizar sobre a possível prevenção ao câncer de mama. No fim da manhã de terça-feira (12), postou foto de um momento da quimioterapia e começou o desabafo:


“A sensação é de que essa foi menos difícil do que a primeira. Volto a dividir detalhes com vocês porque, ao mesmo tempo em que me fortaleço com as palavras de carinho que recebo, acredito que posso também encorajar pessoas que estejam passando por situações tão difíceis quanto o diagnóstico de um câncer”. 

Veja mais: Após revelar câncer de mama, Ana Furtado volta à TV e celebra a vida: “É recomeço”

No restante do texto, Ana Furtado explicou detalhadamente o passo a passo de um tratamento especial que está fazendo para evitar a perda de cabelo, consequência comum de quem faz esse procedimento. Inúmeros famosos mandaram mensagens para a apresentadora.

“Força, meu amor”, escreveu Fernanda Souza. “Você é guerreira”, comentou Ticiane Pinheiro. “Estamos com você. Beijos”, declarou Lair Rennó. “É isso aí, fé”, ponderou Angélica.

Espie: Ana Furtado agradece mensagens positivas de fãs após anúncio de câncer de mama

Ontem fiz minha segunda sessão de quimioterapia. E a sensação é de que essa foi menos difícil do que a primeira. Volto a dividir detalhes com vocês porque, ao mesmo tempo em que me fortaleço com as palavras de carinho que recebo, acredito que posso também encorajar pessoas que estejam passando por situações tão difíceis quanto o diagnóstico de um câncer. Na foto, estou sendo preparada para a crioterapia. Trata-se de uma técnica que utiliza uma touca recheada com gel térmico, atingindo temperaturas negativas (-10º, no meu caso). Esse resfriamento no couro cabeludo é muito doloroso, mas reduz a quantidade de quimioterápicos que chegam até os bulbos capilares, diminuindo a queda de cabelos. Antes, é preciso encharcar a cabeça para depois colocar a touca. Foram 4 horas e meia com o equipamento na cabeça: meia hora antes do início da quimio e 2 horas após o término dela. É difícil, mas, até agora, eficiente. Só tenho a agradecer a todos os médicos pelas orientações, apoio e carinho comigo.🙏

A post shared by Ana Furtado (@aanafurtado) on


SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA