Andressa Urach
Andressa Urach (Foto: Thiago Duran/AgNews)

A ex-modelo Andressa Urach lançou seu segundo livro, ‘Desejos da Alma’, nesta quinta-feira (17), em feira cristã. Ela surpreendeu ao surgir com um novo visual, esbanjando os cabelos pretos.

Na ocasião, a famosa posou para as fotos, atendeu fãs e deu diversos autógrafos. A ex-loira também ganhou um bolo personalizado, feito pela chef Jaque Alves. Em conversa com a rádio Jovem Pan, ela falou sobre sua vida antiga.

“Eu não tinha princípios. Eu era uma vergonha. Aquela época foi vergonhosa. Cheguei a dormir com sete homens em um único dia. Eu cheirava de manhã, de tarde e de noite”, falou. “Se Deus não tivesse me resgatado eu teria me jogado do sétimo andar do meu prédio. Então o problema com o hidrogel foi a pior e a melhor coisa que me aconteceu… Porque se meu filho tem mãe hoje foi graças a isso”, disse ainda a famosa, que negou os boatos de que largaria a igreja.


Eu vi minha alma saindo corpo. Fui para o julgamento. Eu ia ser condenada ao inferno. Eu passei por essa experiência. Foi real. Graças a Deus eu tive essa oportunidade. Eu estaria morta ou em um presídio”, afirmou.