Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank (Foto: Reprodução/ Instagram)

Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso, assim como tantos outros artistas, estiveram na festa de aniversário de Thaila Ayala nesse último domingo (14). Desde então, surgiram rumores de que ela chorou e brigou com o marido. Em seus stories do Instagram, ela esclareceu o motivo real do choro.

“Hoje eu acordei sendo bombardeada de mensagens dizendo: ‘O que aconteceu? Você brigou com o Bruno?’. Gente, não! Pelo amor de Deus, não briguei com o Bruno. Eu vi algumas matérias falando sobre uma suposta briga que eu tive com o meu marido em um aniversário”, começou.

“Eu fui no aniversário de uma amiga, Thaila, e lá eu reencontrei diversos amigos da época de “Malhação”. Amigos que eu amo e que eu tenho muita história. A gente não se via há muito tempo por conta da correria e a gente falou sobre situações que a gente viveu. Falamos sobre o caminho que cada um levou e como a gente ficava feliz de ver a história de cada um. E prometemos uns aos outros que a gente não ia deixar de se ver nunca mais, por mais que a vida seja uma correria”, explicou.


“Quero esclarecer aqui para vocês que se eu chorei, e chorei muito, nesse aniversário foi de amor e foi de felicidade de ver amigos de anos e a gente estar junto, reunido. Em nenhum momento eu briguei com o meu marido, que eu também amo de paixão e que estava feliz de me ver com pessoas que eu amo, enfim”, completou a apresentadora de No Paraíso.

Briga com Thiago Gagliasso

Se por uma lado está tudo bem com Gio e o marido, ela não pode dizer o mesmo sobre o cunhado Thiago Gagliasso. A modelo e cunhado, chegaram a ter uma briga polêmica no ano de 2018. O motivo da discussão foi por divergência de opinião política. Na época, o ator apoiava o então candidato a presidência Jair Bolsonaro. Os dois discutiram no whatsapp e o ator publicou prints da conversa.

Já nessa semana, em entrevista ao TV Fama, ele afirmou que não se arrepende. “Não me arrependo de ter postado não. Ela me ofendeu e eu ofendi de volta. Não acho certo o que fiz, mas não me arrependo”, pontuou. Ainda confessou que continuam sem contato: “Não tem nem clima também para se falar”.