Fernanda Gentil (Foto: Reprodução/ Instagram)

Nesta quarta-feira (9), a jornalista Fernanda Gentil usou o Instagram para fazer uma homenagem especial para sua cachorra idosa. Ela publicou diversas fotos dela e dos filhos com o pet.

“Ei, meu amor… lá se foram 13 anos, hein? E há 13 anos, cada vez fica mais difícil escrever pra você sem derramar uma lágrima já na primeira linha… porque sempre no seu aniversário me passa um filme na cabeça: você chegou primeiro nesse coração aqui”, começou, na legenda.

“Depois viu a vida me trazer o Lucas, e a barriga me dar o Gabriel. Mas os dois foram diretamente te encontrar no mesmo coração. De lá pra cá, enquanto eles cresciam eu via seus pelinhos ficando brancos… mas, engraçado, nunca te perdi de vista. Isso quer dizer que você sempre esteve – e continua – lá: fosse pendurada na minha barriga grávida, dando beijinho no Lucas, protegendo Gabriel no carrinho, flagrada por paparazzis, ou tendo paciência com um bicho de borracha na sua cabeça”, falou ainda.


“Acontece que a cada ano, esse imenso defeito de vocês bate na minha cara como um tapa: vocês não são pra sempre. Aliás, são pra muito menos do que deveriam ser. Muito menos do que o tempo que a gente precisa de vocês. Mas é aquilo né? Vocês já chegam prontos! Já chegam aqui sabendo o que a gente leva a vida inteira pra aprender: a amar de verdade. Acreditar, e cuidar. Ser fiel e leal. E tudo isso sem esperar nada em troca. Entendi que vocês ficam o tempo necessário para que a gente receba tudo isso – e, se formos inteligentes – para que a gente aprenda tudo isso também. Eu não sei mais quanto tempo vou ter seus pelos pela casa, seu bafo no meu rosto, sua patinha pedindo comida, ou sua animação quando chego em casa. Eu só sei que há 13 anos me sinto sortuda e abençoada por ter essa companheira de corpo e alma. Por ter você em todas as mil e uma mudanças que essa vida me aprontou. Por ter você com os pingulinhos, minhas amigas e família. Por olhar pra você hoje e não enxergar mais nem a carinha, nem a energia de filhote, mas sim um focinho branco e um quadril cansado; isso quer dizer que amadurecemos juntas (e também que graças a Deus você não come mais a casa inteira)”, completou ainda a apresentadora do Se Joga, na Globo.

“Vida longa a você minha gostosa, que com 13 anos ainda tem pelinho de coelho e alma de bebê! Que faz xixi de emoção quando eu rio, e só encaixa o focinho entre as minhas mãos quando eu choro, como quem diz: “fica tranquila, estou aqui”. Eu sei que você tá comigo. Eu sei que você É comigo. Parabéns!”, finalizou ela, que é casada com Priscila Montandon.

View this post on Instagram

Ei, meu amor…lá se foram 13 anos, hein?E há 13 anos, cada vez fica mais difícil escrever pra você sem derramar uma lágrima já na primeira linha… porque sempre no seu aniversário me passa um filme na cabeça:você chegou primeiro nesse coração aqui.Depois viu a vida me trazer o Lucas,e a barriga me dar o Gabriel.Mas os dois foram diretamente te encontrar no mesmo coração.De lá pra cá, enquanto eles cresciam eu via seus pelinhos ficando brancos… mas,engraçado,nunca te perdi de vista. Isso quer dizer que você sempre esteve – e continua – lá:fosse pendurada na minha barriga grávida,dando beijinho no Lucas,protegendo Gabriel no carrinho, flagrada por paparazzis,ou tendo paciência com um bicho de borracha na sua cabeça.Acontece que a cada ano,esse imenso defeito de vocês bate na minha cara como um tapa: vocês não são pra sempre.Aliás,são pra muito menos do que deveriam ser.Muito menos do que o tempo que a gente precisa de vocês.Mas é aquilo né?Vocês já chegam prontos! Já chegam aqui sabendo o que a gente leva a vida inteira pra aprender: a amar de verdade.Acreditar, e cuidar. Ser fiel e leal. E tudo isso sem esperar nada em troca. Entendi que vocês ficam o tempo necessário para que a gente receba tudo isso – e,se formos inteligentes – para que a gente aprenda tudo isso também. Eu não sei mais quanto tempo vou ter seus pelos pela casa,seu bafo no meu rosto, sua patinha pedindo comida, ou sua animação quando chego em casa.Eu só sei que há 13 anos me sinto sortuda e abençoada por ter essa companheira de corpo e alma.Por ter você em todas as mil e uma mudanças que essa vida me aprontou.Por ter você com os pingulinhos, minhas amigas e família.Por olhar pra você hoje e não enxergar mais nem a carinha, nem a energia de filhote, mas sim um focinho branco e um quadril cansado; isso quer dizer que amadurecemos juntas (e também que graças a Deus você não come mais a casa inteira).Vida longa a você minha gostosa, que com 13 anos ainda tem pelinho de coelho e alma de bebê! Que faz xixi de emoção quando eu rio,e só encaixa o focinho entre as minhas mãos quando eu choro,como quem diz: “fica tranquila, estou aqui”. Eu sei que você tá comigo. Eu sei que você É comigo.Parabéns❤️!

A post shared by Fernanda Gentil (@gentilfernanda) on